Um pai de família desenvolveu gravidez fantasma depois de ter relações íntimas com outro homem. O senhor de 52 anos precisou ser hospitalizado depois de insistir continuamente que estava carregando uma criança.

 

Em Kozhikode, na Índia, o homem desempregado disse que podia sentir o bebê se mexendo no abdômen e não quis ouvir os médicos que lhe explicavam as dificuldades de um homem engravidar. Ele alegou que deve ter concebido o “bebê” depois de manter relações com outro homem, noticiou o jornal Times of India.

 

Dr. PN Suresh Kumar averiguou o caso e disse que nunca tinha visto algo parecido antes. “Ele era um homossexual em seus anos de adolescência, o que pode ter contribuído para suas crenças. Mas sua homossexualidade não afetou seu casamento”, disse o médico.

 

“Normalmente, vemos a Síndrome de Couvade, ou Gravidez Fantasma, em futuros pais que apresentam alguns sintomas da gravidez (como náuseas, ganho de peso ou problemas de sono), quando suas parceiras engravidam”. O paciente, que é formado e pós-graduado, foi para o aconselhamento e recebeu risperidona (um antipsicótico), que curou o delírio, disse Dr. Kumar.

 

“Depois de uma série de sessões de aconselhamento, ele parou de ceder às atividades homossexuais”, acrescentou. “Agora, o paciente está se recuperando e estamos avaliando seu progresso com check-ups periódicos.”

 

O que é a Gravidez Fantasma?

Alguns profissionais creem se tratar de uma condição psicossomática, já outros consideram que ela apresente características biológicas. Outra hipótese é a de que esta condição seja uma forma de estabelecer o papel do pai na vida da criança e de conferir equivalência aos papéis de gênero.

 

A Gravidez Fantasma, também chamada de Síndrome de Couvade, não se trata de uma patologia, mas sim da apresentação, por parte do homem, de um conjunto de sintomas que ocorrem principalmente durante a gestação de sua companheira.

 

Pais que são muito ligados à companheira e a sua gestação podem exprimir psicologicamente sensações similares às apresentadas pela gestante, como náuseas no período da manhã, desejos, ganho de peso, dor de estômago, indigestão, alterações dos níveis hormonais, do sistema gastrointestinal e do sono. Nos casos mais extremos, pode ocorrer o crescimento do abdômen nos homens, semelhante ao ventre de uma mulher gestante.

 

A síndrome de Couvade habitualmente não resulta em distúrbios psíquicos. Contudo, quando a situação passa a incomodar o casal ou pessoas próximas, é aconselhado procurar a ajuda de um especialista. Estudos apontam que mais da metade dos futuros pais (aproximadamente 54%) acaba apresentando sintomas relativos à gestação no decorrer da mesma.

[ Metro / Wikipédia / Tua Saúde ] [ Foto: Reprodução / Metro ]