Qualquer árvore centenária já é interessante por si só, mas este bonsai de 391 é ainda mais especial, já que sobreviveu ao ataque nuclear dos norte-americanos à cidade de Hiroshima. 

 

A árvore é da espécie Pinus strobus, e foi plantada em 1625 pela família Yamaki, especialista em bonsais que em 1945 vivia a apenas 3 km de distância do ponto de explosão da bomba que matou 140 mil pessoas.

 

Como um milagre, tanto a árvore quanto a família sobreviveram relativamente sem ferimentos. 

 

Em 1976, o integrante da família e também especialista em bonsais, Masaru Yamaki, presenteou os Estados Unidos com a árvore. Atualmente ela fica no Arboreto Nacional dos EUA, e Washington D.C.. 

A equipe do arboreto considerava o pinheiro importante por sua técnica de plantação e idade, mas nem desconfiava de sua conexão com o evento histórico. Em 2001, netos de Masaru visitaram o local e explicaram a sua história.

[ Bored Panda via HypeScience ]  [ Fotos: Reprodução / HypeScience ]