O número de roubos aumenta perto do fim do ano por razões óbvias: muitas pessoas viajam, e suas casas ficam vazias e vulneráveis. 

 

Enquanto você estiver ausente, se quiser que sua casa fique o mais segura possível, você pode fazer com que pareça que alguém está realmente lá. 

 

Peça a um amigo que faça uma pequena manutenção 

Se você pode pedir a um amigo que fique na sua casa, melhor. Se ele não puder dormir na casa, você pode ao menos pedir para que ele cuide de algumas tarefas de manutenção, como varrer folhas, aparar e regar plantas exteriores, tirar o lixo, recolher revistas, jornais e correspondência etc. Desta forma, não ficará tão óbvio que a casa está vazia. 

O canal de TB KTVB, de Idaho, nos EUA, entrevistou 86 assaltantes sobre como eles invadiam casas. Muitos disseram que procuravam arbustos cobertos de vegetação e cercas ou muros grandes, para evitar serem vistos. Casas isoladas, com pontos cegos, janelas mais velhas, portas de madeira baratas, entre outras coisas, também eram desejáveis. 

 

Faça parecer que há alguém dentro de casa 

Não é preciso comprar um modelo de papelão em tamanho natural para colocar no sofá, mas você pode fazer parecer que há algum tipo de atividade na casa. No mínimo, deixe as luzes acesas, ou um rádio ou TV ligados. Para não gastar tanta energia, você pode comprar um temporizador e programá-lo para ligar e desligar em momentos específicos ao longo do dia. Também existem aplicativos que permitem que você controle seu computador remotamente, como o TeamViewer. 

Você ainda pode usar um gravador com sons de latidos e rosnados. Segundo a pesquisa da KTVB, a maioria dos assaltantes disseram que preferem ficar longe se escutam o latido de um cão grande. Por fim, você pode considerar deixar um carro na garagem. A KTVB relatou que quase todos os assaltantes disseram que pensariam duas vezes em assaltar uma casa se houvesse um carro na garagem. Mas há o risco de atrair ladrões de carro. 

 

Seja cuidadoso na hora de divulgar seus planos 

Talvez seja melhor não anunciar seus planos de viagem ou fazer check-in em lugares distantes. Se for o caso, restrinja o acesso a sua mídia social para certos amigos. Isso pode parecer um exagero, mas, de acordo com as autoridades, os criminosos podem facilmente verificar os seus meios de comunicação social.

Além disso, em muitos casos, o ladrão pode ser uma pessoa com quem você já interagiu ou que tenha acesso fácil a suas informações online. Vale lembrar que fazer parecer que você está em casa é apenas uma maneira de deter potenciais ladrões. Obviamente, há outras coisas que você pode fazer para proteger sua casa enquanto viaja, como instalar um sistema de segurança, pedir a um vizinho que fique de olho etc.  

LifeHacker via HypeScience ] [ Fotos: Reprodução / LifeHacker ]