Você há de concordar que a expressão “lavagem a seco” não faz muito sentido. Se estamos acostumados a utilizar água e sabão para higienizar as roupas, como seria lavá-las “a seco”?

 

Segundo informações da Live Science, esse tipo de lavagem não é algo exatamente seco. Na verdade, as roupas são embebidas em um solvente químico, geralmente algum tipo de cloro, como o tetracloroetileno. Depois, são postas em uma máquina especial para limpeza a seco. 

 

Este banho químico dura cerca de 8 a 25 minutos e dependendo da situação das roupas (o quanto estão sujas) são necessárias até 450 rotações por minuto na máquina para remover a sujeira. Como estão em rotação e submetidas a uma temperatura de 60°C dentro da máquina, os vestígios do solvente químico evaporam.

 

Apesar de soar um método atual, a ideia por trás do conceito de lavagem a seco já era utilizada pelos antigos romanos. Com um processo parecido, eles utilizavam a amônia como fluído de limpeza em suas togas. A amônia, por sua vez, era retirada da urina de animais e de latrinas públicas.

[ Mental Floss ] [ Foto: Reprodução / Mental Floss ]