Pensar em uma criança que não consome açúcar é algo bastante difícil, já que ao lembrar da infância a grande maioria das pessoas rapidamente já pensa nos doces e nas guloseimas que adoravam comer. É só lembrar das festas infantis – o que mais encontramos são doces, balas e etc.

Durante os últimos anos, no entanto, não são poucos os filmes, documentários e pesquisas que nos mostram os problemas causados pelo consumo excessivo de açúcar. Um desses estudos, realizado pelo ‘British Journal of Sports Medicine’, afirma inclusive que o açúcar pode ser tão viciante quanto a cocaína.

Como resultado, várias pessoas no mundo todo já optaram por abrir mão completamente do açúcar, tanto na própria dieta como na de seus filhos pequenos.

Isso foi exatamente o que fez a mãe de Grace Cooper, uma menina que nunca comeu nem um único grama de açúcar processado em toda sua vida.

Shan Cooper falou com o portal ‘Daily Mail’ quando sua pequena tinha apenas 13 meses de vida. Naquela entrevista, contou que sua filha seguia uma dieta que proibia os cereais e produtos lácteos, favorecendo em contrapartida as carnes, peixes, ovos, frutas e verduras.

A primeira refeição do dia de Grace pode incluir ovos fritos em óleo de coco com vegetais assados, como batata-doce, cenoura, batata e brócolis cozido no vapor, além de um quarto de abacate e uma pequena bola de chucrute. Sua mãe diz que Grace passa muito tempo com outras doenças que estão doentes, com tosse, resfriados e nariz escorrendo.

No entanto, ela simplesmente nunca fica doente. “Eu acredito absolutamente que uma dieta rica em nutrientes está dando a ela um sistema imunológico mais forte”, disse.

Depois de anos lutando contra alergias alimentares, Shan projetou sua dieta eliminando laticínios, glúten e alimentos processados. “Eu me cansei de não me sentir bem”, disse ela ao Daily Mail Australia. E quando sua filha nasceu, foi naturalmente levada pelo mesmo caminho. Junto com a dieta, ela amamenta sua filha duas vezes ao dia.

A mãe foi franca ao dizer que quando sua filha crescesse, ela iria deixá-la comer doces se ela fosse convidada para um aniversário. Já faz 3 anos desde aquela conversa, e Grace já se está se tornando uma menina, que frequenta a escola e tem amigos.

Sua mãe diz que quando ela tiver idade suficiente para entender o que ela gosta e do que ela não gosta, ela não forçará uma dieta rigorosa.  Assim está Grace atualmente:

A julgar pelo Instagram de sua mãe, onde ela compartilha receitas e fotografias de seu estilo de vida saudável, vemos que a pequena parece estar seguindo os ensinamentos da mãe.

Embora ela coma doces, ela os consome em uma versão saudável que ela cozinha com sua mãe.

Via: Upsocl / HypeScience Imagens: Reprodução / Upsocl