Ingerir a quantidade de água recomendada por dia pode ser muito difícil para quem não possui o hábito de beber água, mas uma inovação pretende facilitar o desafio.

 

Criado por Rodrigo Garcia Gonzalez, Guillaume Couche e Pierre Paslier, ambos do Skipping Rocks Lab, em Londres, Inglaterra, o chamado Ooho é uma “garrafa de água” biodegradável e vendida a preços baixos, podendo representar o futuro da hidratação.

Ooho-garrafa-de-agua-comestivel

A esfera parece com um implante de silicone (ou um balão de água) e é criada formando uma bola de água gelada e, em seguida, encapsulada em camadas de membrana feita de cloreto de cálcio, e, por cima, algas marrons. O processo é inspirado em uma técnica culinária chamada esferificação, criando um revestimento gelatinoso comestível.

 

Ooho recebeu, recentemente, um prêmio de sustentabilidade da União Europeia, o que significa que pode estar realmente mudando a forma de se consumir água. Embora possam não estar prontos para comercialização em grande escala, Ooho tem grande potencial quando se trata de esforços ambientais. Só nos Estados Unidos, 50 bilhões de garrafas de plástico são usadas ​​anualmente, e a embalagem esférica Ooho poderia tirar as garrafas PET das lojas.

Ooho-garrafa-de-agua-comestivel-01

As pessoas estão realmente entusiasmadas com a possibilidade da criação de um material assim, inofensivo, que você pode comê-lo, que consiste basicamente em água“, disse Paslier ao jornal Guardian.

 

Tão natural, na verdade, que é possível criar em casa, embora simplesmente beber do filtro ou de garrafas compradas possam ser mais fáceis, nesse caso. Veja como se hidratar com Ooho, no vídeo abaixo:

[ Mental Floss ] [ Foto: Reprodução / SKIPPING ROCKS LAB ]