Apesar de ser constantemente confundido com verdura ou legume, o tomate é uma fruta muito cultivada e consumida no mundo inteiro. Contendo apenas 21 calorias em cada 100 gramas, tem um dos menores índices calóricos entre as frutas.

 

Existem cerca de 25.000 variedades de tomates. Eles podem ser comidos crus ou cozidos e podem ser feitos em sopas, sucos e bebidas alcoólicas, como o Bloody Mary. 94% de sua composição é água, o restante são vitaminas (A, B1, B2, B6 e C), folatos, potássio, ferro, magnésio e fósforo. Ele possui outras substâncias importantíssimas para nós, como fibra vegetal que além de ser laxante ajuda a reduzir o colesterol.

 

Com tantos benefícios para a saúde, criamos uma lista dos 6 melhores motivos para você enriquecer sua refeição, saúde e paladar.

 

1 –  Melhora a disposição e a aparência

Além de fazer-nos sentir mais dispostos, o tomate também nos faz parecer mais atraentes. Por exemplo, o tomate pode manter o nosso cabelo brilhante e forte, manter a boa saúde dos olhos e permitir que nossa pele fique mais sedosa.

 

Tomates são repletos de antioxidantes, como vitamina C, vitamina A e betacaroteno. Eles ajudam a prevenir danos irreparáveis ​​nas células, causados pelos radicais livres. A relação entre antioxidantes e radicais livres é fundamental para uma boa saúde.

 

Comê-los crus ou usá-los diretamente sobre a pele, com o lado carnudo para baixo, como o Comitê de tomate da Flórida recomenda, traz benefícios. Isso pode causar alguma vermelhidão na cútis, mas não é grave e não dura muito.

 

2 – Vantagens para o coração e a circulação

Os tomates contêm potássio, um mineral necessário para a saúde muscular. E a quantidade de potássio no tomate varia, dependendo da qualidade e do tamanho do tomate que você escolher.

 

Para absorver maior quantidade de potássio a partir dos tomates, você deve comê-los crus. Mantendo-os crus, e combinando-os com outros ingredientes frescos, você não apenas desfrutará de refeições saborosas, como também terá sua dose potássio diária garantida. Você pode adicioná-los cortados nas saladas e sanduíches ou misturá-los em um suco.

 

Ele pode ajudar a reduzir o colesterol e a estabilizar a pressão arterial. Ele também auxilia os rins a filtrar os resíduos de sangue. Os níveis de potássio no corpo podem ser mantidos pela ingestão de tomate, reduzindo radicalmente qualquer possibilidade de derrame cerebral e ataque cardíaco.

Foto: Reprodução / Wikipédia
Foto: Reprodução / Wikipédia

3 – Dentes e ossos mais duradouros e resistentes

O cálcio é absorvido e retirado dos ossos e dentes em taxas diferentes dependendo da nossa idade. Cerca de apenas 1% de cálcio é utilizado para as funções metabólicas das nossas veias, músculos e sistema nervoso. Os outros 99% permanecem em nossos ossos e dentes e podem ser perdidos à medida que envelhecemos.

 

Além da maneira mais conhecida de ingerir cálcio – beber leite -, comer tomates pode ajudar significativamente a fortalecer os ossos e dentes, já que são uma grande fonte de cálcio também! A quantidade de cálcio em tomates depende de como eles são consumidos, mas isto pode ser facilmente calculado: parece que os tomates secos possuem os mais altos níveis de cálcio.

 

4 – Um grande auxílio aos diabéticos

O cromo auxilia na prevenção da diabetes – causando picos de insulina, regulando o nível de açúcar no sangue – e é encontrado no tomate.

 

Quando você consume uma dieta rica em hidratos de carbono, seu sangue tende a absorver a maior parte do açúcar na dieta. Felizmente, estudos mostraram que o cromo pode reduzir o risco de doenças que derivam do alto consumo de açúcares.

 

O médico canadense, Dr. Ben Kim, diz que o cromo em alimentos “Ajuda a regular o seu nível de açúcar no sangue, aumentando os efeitos da insulina, previne doenças cardiovasculares, incluindo diabetes tipo II e faz o corpo produzir proteínas, gorduras e colesterol através de seu efeito sobre a insulina.”

 

5 – Reparador de danos causados ​​pelo tabagismo

Os tomates contêm ácido cumárico e ácido clorogênico, que ajudam a reparar os danos causados ​​pelas substâncias cancerígenas dos cigarros. Como muitas das outras propriedades encontradas no tomate, o ácido clorogênico é um poderoso antioxidante que reduz a inflamação e previne o câncer.

 

6 – Bom aliado contra o câncer

O licopeno é um pigmento encontrado em um monte de frutas e vegetais vermelhos. E também em alguns que não são realmente vermelhos como espargos e salsa. Ele ocorre naturalmente no corpo humano e é encontrado no fígado, sangue, glândulas adrenais, pulmões, próstata, cólon e cútis. Comer alimentos que contêm licopeno ajuda a aumentar a qualidade e a quantidade do pigmento nessas áreas do corpo.

 

Para extrair bons níveis de licopeno do tomate, o melhor é consumi-lo cozido e combinado com um pouco de gordura. Ele pode auxiliar na prevenção de danos em células antes de se tornarem cancerosas. Sopa de tomate é, indubitavelmente, uma das melhores opções!

[ Life Hacker ] [ Foto: Reprodução / Wikipédia ]